top of page

ManiFesta Digital 22 na Encruzilhada (com Dinho Lima Flor)



O ator e diretor Dinho Lima Flor apresenta a obra “Outros Vinte e Dois”, um audiovisual poético em que declama textos de Ascenso Ferreira, um poeta modernista “nascido, criado e morrido em Pernambuco”, como define o artista. Ele ainda recita Mário de Andrade e conversa com o Seu Zosmo, um senhor nascido em 1922. Do interior pernambucano, Dinho carrega muito dessa herança cultural. Nesse vídeo, ele aparece andando em uma vizinhança de casinhas simples com o bucolismo das cidadezinhas nordestinas. É um dos fundadores da Cia. do Tijolo, que levou ao teatro a obra do poeta Patativa do Assaré. O ator dirigiu ainda O Avesso do Claustro, inspirado na trajetória de Dom Helder Câmara, e hoje atua no Ledores no Breu. ------------ Com 22 obras de artistas, pensadores, pensadoras, criadores e criadoras da contemporaneidade, a ManiFesta Digital 22 na Encruzilhada apresenta pílulas audiovisuais inspiradas em dois marcos da história do Brasil: o Centenário da Semana de Arte Moderna (1922) e o Bicentenário da Independência do Brasil (1822). São manifestações de modo direto, plural e espontâneo. A Manifesta faz parte da ação Diversos 22 - Projetos, Memórias, Conexões, que desde setembro de 2021 e durante todo o ano de 2022 integra a programação das Unidades do Sesc SP, com atividades artísticas e socioeducativas, atividades on-line e presenciais, com o objetivo de marcar um arco temporal entre estes dois importantes momentos históricos aqui tratados. Conheça mais em www.sescsp.org.br/diversos22.


3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page